Quando meu corpo  adormece

Enxergo com os olhos da alma

Um sonho colorido me acalenta

No embalo do sono me refaço

Descanso abraçado à calma

Esqueço  tudo o que me atormenta

 

Que a manhã chegue tranquila

Que a luz do sol  me desperte

Que o banho matinal me revigore

E o café da manhã restabeleça

As forças, o ânimo e a alegria

E me prepare para viver um novo dia

 

Cada dia é uma vida independente 

Alinhavadas pela seda do destino

Não importa se o hoje me entristece

Amanhã já poderei  estar sorrindo

Emoções que só que está vivo sente

Então me inclino, e agradeço reverente 

 

AVP-21/05/2020

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.